Foto: Divulgação

O que são o PIS e o Pasep:

O Programa de Integração Social (PIS) e o Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) foram criados em 1970. Por quase 20 anos, eles funcionaram como uma poupança particular. A cada ano, o trabalhador tinha direito a receber o rendimento das cotas e podia sacar todo o crédito em caso de aposentadoria, doença grave ou ao completar 70 anos. O PIS é destinado aos trabalhadores da iniciativa privada e pago pela Caixa. Já o Pasep, aos servidores públicos e é pago pelo Banco do Brasil.

O que mudou:

No fim do ano passado, o Governo do Brasil publicou uma Medida Provisória que antecipa a idade mínima para saques do PIS/Pasep. Isso significa que mais gente passou a ter direito ao benefício mais cedo.

Quem tem direito:

Pessoas com mais de 60 anos

Aposentados

Herdeiros de cotistas falecidos

Militar transferido para reserva remunerada ou reforma

Pessoas com deficiência alcançadas pelo Benefício da Prestação Continuada

Participante ou dependente acometido por neoplasia maligna, vírus HIV ou doenças listadas na Portaria Interministerial MPAS/MS nº 2998/2001

Como sacar:

Para verificar se tem direito aos saques, o trabalhador deve acessar os sites www.caixa.gov.br/cotaspis e www.bb.com.br/pasep. Para quem tem conta em um desses bancos, o valor será creditado automaticamente a partir do dia 22. Outras formas de pagamento também podem ser consultadas nessas páginas.

COMPARTILHAR