O presidente da Câmara de Petrópolis, Paulo Igor Carelli (MDB), foi preso na operação contra crimes de fraude em licitação e peculato na manhã desta quinta-feira (12). O vereador Luiz Eduardo Francisco da Silva, o Dudu (PEN), também é alvo de mandado de prisão, mas não foi encontrado.

Prisão do vereador Paulo Igor ocorreu na casa dele, em Petrópolis, no RJ
A Operação Caminho do Ouro é realizada pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e a Delegacia Fazendária (DELFAZ). Na casa do presidente da Câmara foram apreendidos R$ 155 mil e 10.300 dólares. O dinheiro estava escondido na bomba da banheira de hidromassagem, em uma gaveta da mesa de cabeceira e dentro de um carro.

Os valores estavam separados e com bilhetes com nomes e iniciais. A polícia vai investigar quem são as pessoas e se elas estariam envolvidas no esquema.

Polícia achou dinheiro escondido na banheira da casa do presidente da Câmara de Petrópolis, RJ (Foto: Reprodução/InterTV) Polícia achou dinheiro escondido na banheira da casa do presidente da Câmara de Petrópolis, RJ (Foto: Reprodução/InterTV)
Polícia achou dinheiro escondido na banheira da casa do presidente da Câmara de Petrópolis, RJ

(Foto: Reprodução/InterTV)

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here