Ontem, Mario Abdo Benítez, o Marito, presidente do Paraguai, visitou Michel Temer. Apertaram as mãos, conversaram um pouco e trataram de assunto importantíssimo da fronteira dos dois países: a ponte Presidente Franco que está encalhada no papel desde 2014.

Temer prometeu colocar no orçamento do ano que vem recursos para o assunto, Brasil e Paraguai dividirão os custos.

A necessidade de ampliar a estrutura de ligação entre os dois países é tão grande que Marito aproveitou a visita para falar da construção de outras: “Essas estruturas são muito importantes e serão fundamentais para melhorar a nossa competitividade e nossa conexão. A última ponte construída entre o Paraguai e o Brasil foi feita há 53 anos, que é a Ponte da Amizade. Nós já deveríamos ter mais de dez pontes”, disse antes de emendar o que tem como proposta “imediata”: a construção da Presidente Franco e mais outras três pontes.
Veremos, afinal, donde menos se piensa, salta la liebre.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here