Uma decisão do Tribunal de Justiça do Paraná (TJPR) determinou nesta quinta-feira (9) que uma adolescente fique morando com o pai enquanto a mãe está em quarentena por causa do coronavírus. Ou até que a mãe comprove que seus testes para Covid-19 deram negativo. A guarda provisória da jovem havia

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você for um usuário existente, faça o login. Novos usuários podem se registrar abaixo.

Existing Users Log In
   
New User Registration
*Campo obrigatório