Um tribunal saudita condenou nesta segunda a penas de sete a 20 anos de prisão oito acusados pelo assassinato do jornalista Jamal Khashoggi em 2018. Além disso, cinco condenações à morte anteriores foram anuladas, informaram meios de comunicação estatais. “Cinco dos acusados foram condenados a 20 anos de prisão e

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você for um usuário existente, faça o login. Novos usuários podem se registrar abaixo.

Existing Users Log In
   
New User Registration
*Campo obrigatório