SÃO PAULO – Depois de superar o período mais crítico da pandemia em março e abril, e experimentar uma espécie de normalidade nos meses seguintes, países do Hemisfério Norte estão vendo o filme se repetir. E os números cada vez mais preocupantes da doença na Europa e dos Estados Unidos

Este conteúdo é restrito a membros do site. Se você for um usuário existente, faça o login. Novos usuários podem se registrar abaixo.

Existing Users Log In
   
New User Registration
*Campo obrigatório