No último domingo (31), um homem que torcia pelo Corinthians matou a mulher dele, que era palmeirense, a facadas. A ocorrência foi no apartamento do casal, em São Paulo. O homem acabou preso após ter confessado a morte da mulher. A história, contudo, não acabou por aí. Nesta sexta-feira (5), a família da vítima registrou boletim de ocorrência no qual afirma que o sogro da mulher, pai do assassino, teria roubado o carro da vítima. E isso teria ocorrido durante o velório.

Entre os objetos roubados estaria um carro de propriedade da mulher, além de eletrodomésticos, TVs, joias e documentos. Segundo a família da vítima, o pai do assassino agiu no mesmo horário em que era realizado o sepultamento da vítima, na segunda-feira.

AO VIVO RÁDIO WEB MANGUEIRINHA ONLINE

CONFIRA A PROGRAMAÇÃO COMPLETA

O casal tinha nove anos de união formal e dois filhos gêmeos, de 2 anos. O assassinato teria ocorrido após uma discussão sobre futebol, segundo a Polícia Militar.

A defesa do acusado de assassinato não se posicionou.

Informações Estadão